in

Profissões estressantes e salários: veja quais são?

Confira agora quem são os profissionais que mais sofrem com os transtornos psicológicos

Será que a profissão que você exerce está no top 10 das profissões estressantes? O estresse,  é a soma das respostas físicas e mentais que são causadas por  estímulos externos que influenciam as pessoas, sendo que muitos destes estímulos são completamente ligados ao ambiente de trabalho. 

Estresse no trabalho: Isto é  uma realidade

Empregos que exigem portes de arma como militar e policial os cargos executivos ou cujo o trabalhador é  um responsável direto pela vida de outras pessoas estão entre os mais que passam estresse.

Estresse entre os profissionais brasileiros

Quando se pergunta sobre o seu nível de estresse em uma escala de 1 a 10, 34,26% dos brasileiros devem dizer viver em um estresse extremo ,ou seja, entre 8,9 e 10 na escala dos 10 pontos). Essa é uma incidência de extremo estresse que é muito maior do que a que foi detectada na pesquisa feita pelos  americanos. Confira abaixo as profissões mais estressantes.

Quais são as profissões que são mais estressantes?

Confira abaixo uma lista com as 10 profissões mais estressantes e qual o valor aproximado mensal do salário de cada profissional no mercado dos estados unidos.

O top 10 das profissões mais estressantes 

Empregos mais estressantes

  1. Militar alistado

Pontuação: 84,72

Salário médio mensal: R$ 4.800

  • General militar

Pontuação: 65,54

Salário médio mensal: R$ 40.000

  • Bombeiro

Pontuação: 60,45

Salário médio mensal: R$ 8.800

  • Piloto de companhia aérea

Pontuação: 60,28

Salário médio mensal: R$ 22.000

  • Coordenador de eventos

Pontuação: 49,93

Salário médio mensal: R$ 8.800

  • Executivo de relações públicas

Pontuação: 48,52

Salário médio mensal: R$ 10.000

  • Executivo corporativo (sênior)

Pontuação: 47,46

Salário médio mensal: R$ 32.000

  • Repórter (jornal)

Pontuação: 46,75

Salário médio mensal: R$ 6.800

  • Policial

Pontuação: 46,66

Salário médio mensal: R$ 10.000

  1. Taxista

Pontuação: 46,18

Salário médio mensal l: R$ 4.500

As Profissões menos estressantes? Sim, elas existem também

Nesta outra  tabela, a lista das profissões que são menos estressantes engloba os profissionais que lidam com a arte (artista multimídia), beleza  e moda  (cabeleireiro, joalheiro e costureira), educação (professores universitários e bibliotecários)  saúde (nutricionista e fonoaudiólogo), entre os outros Existem até Operador de Máquinas, um emprego que requer muito cuidado e bastante atenção, e isto surpreende na lista.

Um dos fatos que chama a atenção nesta  comparação entre as duas listas é que, muitas das vezes, um emprego que é muito estressante não é necessariamente  bem remunerado quanto deparado com uma  profissão que não estressa, e isso é observado nas duas profissões que lideram a lista: um militar alistado (profissão muito mais estressante) recebe aproximadamente um salário de  R$ 4.800 por mês enquanto um fonoaudiólogo (profissão muito menos estressante) pode chegar ao alcance de até R$ R$ 13.000/mês.

Top 10 das profissões menos estressantes

  1. Fonoaudiólogo

Pontuação: 3.35

Salário médio mensal: R$ 13.000

  • Cabeleireiro

Pontuação: 5.41

Salário médio mensal: R$ 4.500

  • Joalheiro

Pontuação: 7.26

Salário médio mensal: R$ 6.800

  • Professor universitário (titular)

Pontuação: 8.43

Salário médio mensal: R$ 12.000

  • Costureira

Pontuação: 9.5

Salário médio mensal: R$ 5.000

  • Nutricionista

Pontuação: 10. 24

Salário médio mensal: R$ 10.500

  • Técnico de registros médicos

Pontuação: 10,5

Salário médio mensal: R$ 6.700

  • Bibliotecário

Estresse Pontuação: 10,58

Salário médio mensal: R$ 10.000

  • Artista multimídia

Pontuação: 10,94

Salário médio mensal: R$ 11.000

  1. Operador de Máquinas

Pontuação: 11,32 Salário médio mensal: R$ 6.800

Gostou do artigo comente e compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por que nunca fui chamado para uma entrevista de emprego?

As Práticas antirracistas que podemos usar em nosso ambiente de trabalho